Seja Bem-Vindo ao meu site. É direcionado ao Radioamadorismo,e Mensagens de otimismo. Espero que vocês gostem. Para que possamos aprimorar mais ainda nosso site, deixe um comentario no final de cada postagem , lá embaixo: ⇩ . Obrigado...Edivaldo PY4BO
Clique aqui: Para ouvir a radio Teófilo Otoni AM

terça-feira, 26 de março de 2013

PARA VIVER BEM

Os 10 mandamentos para viver bem com os outros


I - Tenha controle de sua língua. Sempre diga menos do que pensa. Cultive uma voz baixa e suave; a maneira de falar, muitas vezes, impressiona mais do que aquilo que se fala.

II - Pense antes de fazer uma promessa e depois não dê importância do quanto lhe custa.

III - Nunca deixe passar uma oportunidade para dizer uma palavra meiga e animadora a uma pessoa, ou a respeito dela.

IV - Tenha interesse nos outros, em suas ocupações, seu bem-estar, seus lares e famílias. Seja alegre com os que riem e lamente com os que choram. Deixe cada pessoa com quem encontrar sentir que você lhe dispensa importância e atenção.

V - Seja alegre. Conserve para cima os cantos da boca. Esconda as suas dores, seus desapontamentos e inquietações sob um sorriso. Ria de histórias boas e aprenda a contá-las.

VI - Conserve a mente aberta para todas as questões da discussão. Investigue, mas não argumente. É marca de ser superior... discordar e ainda conservar a amizade.

VII - Deixe as suas virtudes falarem por si mesmas e recuse falar das faltas e fraquezas dos outros. Desencoraje murmúrios. Fale coisas boas aos outros.

VIII - Tenha cuidado com os sentimentos dos outros. Gracejos e humor não valem a pena e frequentemente magoam quando menos se espera.

IX - Não faça caso das observações más a seu respeito. Só viva de modo que ninguém acredite nelas. Nervosismo e indignação são causas comuns para maledicência.

X - Não seja tão ansioso a respeito de seus direitos. Trabalhe, tenha paciência, conserve seu temperamento calmo, esqueça de si mesmo e receberá a sua recompensa.

segunda-feira, 25 de março de 2013

MÃO VITORIOSA




***************************************************************
"Antes da mão manejar a espada, 
ela deve localizar o Inimigo e saber como enfrentá-lo. 
A espada apenas dá o golpe.
Mas a mão já está vitoriosa ou perdedora antes desse golpe. "
Paulo Coelho

"Sonho com o dia em que todos levantar-se-ão,
 e compreenderão que foram feitos para viverem como irmãos."
Nelson Mandela

***************************************************************




Edivaldo Silva PY4BO

DEPENDE DO MODO DE VER



Em uma palestra que vi na internet, um fotógrafo revela como, durante quatro horas por dia e sete dias por semana, acompanhou fotograficamente uma flor desde seu nascimento, e como isso o fez perceber o quanto deveria ser grato por cada segundo vivido.
Enquanto falava, na parede atrás eram projetadas as imagens dos delicadíssimos movimentos das plantas, de gotas de águas que sobre elas caíram, o aparecimento de suas cores, a abertura de cada pétala até sua total exposição, amadurecimento, polinização por abelhas.
Lembrou sua plateia de que 80% de tudo o que sabemos chega ao nosso conhecimento através dos olhos, mas poucos são os que realmente enxergam o que olham à sua volta.
Com imagens e exemplos maravilhosos a palestra realmente chama a atenção para como, diariamente desprezando maravilhosos acontecimentos, passamos pela vida sem vivê-la e como somos ingratos por não estarmos constantemente agradecendo pela benção que é viver.
Quantas vezes ao acordar e começarmos um novo dia, olhamos para o sol nascendo e observamos a diferença de seus raios em relação ao dia anterior, o tempo mais aberto ou fechado, seco ou úmido, chovendo ou não, calor ou frio? Parece bobagem, mas jamais existiu ou existirá um momento como aquele, único, com milhares de variações de luminosidade, intensidade, umidade, cores e temperaturas.
O formato, a posição, as cores e a velocidade das nuvens variam milhões de vezes durante um único dia, e raras são as pessoas que em alguma oportunidade pensaram sobre isso, pois a maioria imagina que isso é uma enorme bobagem, que não existe nenhuma importância nesse fato.
Realmente, o formato das nuvens teoricamente em nada mudará sua vida, mas através de sua densidade, cor e velocidade é que a ciência consegue obter dados que, em conjunto com outras informações, permitem determinar a temperatura e as precipitações ou não nos próximos dias, o que influenciará significativamente o plantio, o desenvolvimento e a colheita de todos os alimentos que necessita para sua sobrevivência e comprova o quanto somos conectados e integrados a tudo o que está à nossa volta, principalmente a natureza.
Além das informações visuais, nosso cérebro recebe milhares de outras, de fontes diversas, como a diferença de temperatura climática, entre a água ou um objeto quente ou frio, o som do vento nas árvores ou o cheiro emanado da terra quando chove e a reação a qualquer dessas informações provoca um sentimento único, que faz com que em cada segundo de nossa vida tenhamos uma situação, história, que jamais se repetirá.
Nas observações feitas com os olhos e registradas em fotografias, podemos notar como o orvalho provocado por uma queda de água em um rio, nunca foi e jamais será igual, pois dependendo da intensidade do vento que o sopra, muda a cada instante, assim como o arco íris que jamais teve ou terá a mesma espessura, tamanho, tonalidade das cores ou estará no mesmo local.
Os olhos, as mais perfeitas máquinas fotográficas que existem, não utilizam filmes ou imagens digitais registradas em megapixels, mas exigem uma mente aberta para a recepção e processamento de suas informações, que serão entendidas de forma totalmente distintas por cada ser humano e, quando passamos a enxergar cada um desses detalhes, somos levados a refletir sobre aspectos que podem alterar significativamente nosso modo de ver e entender tudo o que vivemos.
Abra sua mente para as informações recebidas e perceba como, a cada segundo, deve ser grato pela maravilhosa dádiva que é sua vida.

domingo, 24 de março de 2013

DESCUBRA SUA PERSONALIDADE


Traços do Rosto que revelam a sua Personalidade: Olhos, Boca e Nariz




Você já imaginou que os traços do rosto de uma pessoa são capazes de dizer muito sobre sua personalidade? Pois é, poucas pessoas sabem mais é possível fazer a análise psicológica de uma pessoa levando em consideração o formato da boca, dos olhos, do nariz e até mesmo da sobrancelha.
Ficou curioso(a)? Então confira:
Boca grande: pessoa sociável, espontânea e que gosta muito de sorrir;
Boca pequena: pessoa racional, comedida e tímida;
Nariz grande: pessoa gentil, carinhosa e preocupada com o bem estar alheio;
Nariz pequeno: pessoa agitada, egocêntrica e às vezes irritada;
Olhos grandes: pessoa criativa, ativa e carinhosa;
Olhos pequenos: pessoa observadora, concentrada e crítica;
Sobrancelha grossa:  pessoa de personalidade forte e persistente;
Sobrancelha fina: pessoa sensível e insegura;

fonte:http://www.essaseoutras.xpg.com.br/tracos-do-rosto-que-revelam-a-sua-personalidade-olhos-boca-e-nariz/

terça-feira, 19 de março de 2013

Filme - A Onda



Psicologia das Multidões:



A proposição básica para o entendimento de uma psicologia social: sejam quais forem os indivíduos que compõem um grupo, por semelhantes ou dessemelhantes que sejam seus modos de vida, suas ocupações, seu caráter ou sua inteligência, o fato de haverem sido transformados num grupo, coloca-os na posse de uma espécie de mente coletiva que os fazem sentir, pensar e agir de maneira muito diferente daquela pela qual cada membro dele, tomado individualmente, sentiria, pensaria e agiria, caso se encontrasse em estado de isolamento [9: p. 18].


Argumentos de Le Bon para justificá-la, serviu de parâmetro para o estudo sobre Psicologia de Grupo publicado por Sigmund Freud em 1921.


Uma grande reflexão: A Onda


Edivaldo Silva

sexta-feira, 15 de março de 2013

HINÁRIO N 5 -- Coletânea 01 A 480


HINÁRIO 5 - BAIXAR

 
  Se o irmão ou a irmã, gosta de hinos cantados, vale a pena conferir os links abaixo. É um irmão de Foz do Iguaçu, e tem a voz muito bonita e agradável: ............................................................................................................................... 

São 46 minutos de hinos cantados, pelo irmão Elias Veiga.
http://youtu.be/mSFPNVOSUsQ

............................................................................................................................... 

Ouça 1h36 minutos de hinos cantados, pelo irmão Elias Veiga.
http://youtu.be/Z0FE4bQP8hU

............................................................................................................................... 

INSTRUMENTOS 
 TOCADOS = ÓRGÃO – Gravação de 1h33m – Hinário 5 
Ótimo para Músicos e Organistas
http://youtu.be/3DNZODB8gRQ





HINÁRIO N 5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 1 ao 30 

 HINÁRIO N 5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 31 ao 60

HINÁRIO N 5-- Coletânea ORGÃO - Hino 61 ao 90

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 91 ao 120

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 121 ao 150

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 151 ao 180

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 181 ao 210

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 211 ao 240

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 241 ao 270

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 271 ao 300
http://youtu.be/rOwDWFzy9cc

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 301 ao 330
http://youtu.be/6WmjLpRwc2M

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 331 ao 360
http://youtu.be/T--ikkpkfwY

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 361 ao 390
http://youtu.be/5PiM9VYRDRw

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 391 ao 420
http://youtu.be/GHrJ5sLgaPM

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 421 ao 450
http://youtu.be/8o94YYCvrqE

HINÁRIO N5 -- Coletânea ORGÃO - Hino 451 ao 480
http://youtu.be/Q1cFzlOxRo0 

 A paz de DEUS, Deus abençoe.

quinta-feira, 14 de março de 2013

superação

Superação, se obtêm com luta.


Se o desapontamento aparecer, fique desapontado e siga em frente; quando surgir a interrupção, lide com ela e siga em frente. Se você tentar retirar desapontamentos e interrupções da sua frente sem antes resolvê-las, elas continuarão a te perseguir.
Gente eficiente não experimenta menos desapontamentos do que as outras pessoas. Na realidade eles têm até mais ainda. O que é diferente em gente eficiente é que elas não permitem que desapontamento as paralisem.
Gente eficiente não tem menos interrupções ou menos distrações em potencial. Elas simplesmente não permitem que interrupções e distrações a afastem dos seus alvos.
Todos os dias surgem surpresas negativas. Você pode usá-las como uma contínua desculpa para justificar a sua falta de progresso. Ou você pode transformar cada uma delas numa experiência positiva de aprendizado ao rapidamente lidar com elas e seguir em frente. Isso marcará a diferença entre coletar desculpas e desfrutar preciosas realizações.

Edivaldo Silva PY4BO

mudar nossos habitos


Tudo é questão de TEMPO.


Quando entramos pela primeira vez,
em uma embarcação, ficamos tenebroso,
devido ao grande volume de águas,
vemos o perigo a cada centimetro percorrido,
mas, assim que o barco corta as aguas,
o mêdo passa, e agente continua a viagem,
mesmo sabendo que acidentes pode acontecer,
Assim para superar o mêdo, deixamos de lado o perigo,
porque logo, logo a viagem começa a mostrar o sentido.
Portanto, muita paciência, determinação e persistência.
Pois nada nem ninguêm é perfeito.
O Titanic era perfeito aos olhos de quem fez,
seria indestrutivel; mas na primeira tempestade afundou.
Não existe nada nem ninguem perfeito,
somos o que somos, sem maquiagem.
Mas, apesar de não ser-mos perfeitos,
podemos chegar bem perto.
Agora, que estas perguntando a ti mesmo: Como?
MUDANDO NOSSOS HÁBITOS.

Edivaldo Silva  PY4BO

quarta-feira, 13 de março de 2013

ID EGO SUPEREGO


É mais ou menos assim:

Freud passou a creditar que a mente humana enfrenta continuamente três conjuntos de demandas conflitivas: as que partem do corpo, da realidade externa e das restrições morais. Um componente distintivo da personalidade (id, ego, superego) lida como cada domínio. Os componentes da personalidade estão competindo continuamente entre si pela energia disponível dos instintos de vida e morte.
ID
O id, a casa dos instintos, reside no âmago primitivo da personalidade. Freud descreveu-o como “um caos, um caldeirão de excitação insaciável”, um vez que o id não tem organização lógica, impulsos contraditórios existem aqui, lado a lado. O id opera de acordo com o princípio de prazer. Como uma criança mimada, pressionada continuamente para a realização imediata de seus impulsos. Seu mote parece ser: “Quero o que quando quero”. Para reduzir a tensão, o id usa o processo primário de pensamento. Forma a imagem de um objeto desejado, previamente associado com a satisfação de um impulso. Por exemplo, quando você está com fome, pode visualizar um bife frito ou um sundae com calda quente e achar que a imagem parece boa ou satisfaz a necessidade momentaneamente. Freud considerava o processo primário de pensamento um tipo infantil de atividade mental que não podia distinguir entre imagens e realidade. Sonhar durante o sono e ter alucinações (experiências sensoriais sem base em fatos)  são exemplos mais claros do processo primário de pensamento. Ambos podem ser considerados desejos em forma de imagem que não podem ser separados do que e real pela pessoa que tem esses desejos. Em sonhos, os desejos do id são disfarçados e distorcidos, uma vez que são inaceitáveis a outras partes da personalidade.
Ego
Necessidades do id. O ego, então, precisa lidar com as demandas tanO ego emerge nas crianças em desenvolvimento, à medida que elas aprendem que há uma realidade distinta das próprias necessidade e desejos. Tendo sido parte do id, o ego evolui para lidar com o mundo. Uma das tarefas principais do ego é localizar objetos para satisfazer as to do id quanto do ambiente circundante.Ao contrário do id. O ego é controlado  e lógico. Em vez de ser impulsionado pelo principio do prazer, opera de acordo com o princípio da realidade. Ou seja, embora esteja comprometido em gratificar as necessidade do id, está ciente das circunstâncias. Aguarda seu momento, esperando até que as situações apropriadas cheguem ou buscado-as.  O ego usa o processo secundário de pensamento estratégias de solução de problemas. Pense no processo secundário de pensamento com crítico, organizado, sintetizador, racional e realista. Por exemplo, quando você está com fome, o ego pode decidier que você deveria esquentar uma sopa ou comprar um hambúrguer.
Superego
À medida que as crianças identificam-se com os pais e internalizam valores e padrões, o superego separa-se do ego. Pense no superego como uma consciência. Embora tenha feito parte do ego, o superego funciona independentemente, lutando pela perfeição e admirando o idealismo, o auto-sacrifíco e o heroísmo. O superego influencia o ego para atender aos objetivos morais e forçar o id a inibir seus impulsos animais. Quando o ego comporta-se moralmente, o superego é satisfeito. Quando as ações ou os pensamentos do ego vão contra os princípio morais, o superego gera sentimentos de culpa.

segunda-feira, 11 de março de 2013

sucessor e Capitalista


Super interessante o video. Vale a pena ver, e meditar.
Apesar de ser imagens comum, ou incomuns, mas, se adequam no nosso dia a dia.

As vezes temos que expurgar alguns defeitos, ou manias, e colocar os pés em terra, marcar territorio, para que tenhamos o direito de viver com dignidade. Tudo inicia fora de casa, onde os meios os manipulam, onde na verdade, tudo que gira, retorna ao mesmo lugar, é como jogo dominó, exemplo já muito utilizado nas grandes empresas. É um circulo giratório sem fim, como uma roda gigante, hora em baixo; hora em cima.

Edivaldo Silva - PY4BO

domingo, 10 de março de 2013

Do período da juventude à velhice.




Generatividade Versus Estagnação :

É um dos mais extensos estágios psicossociais e resume-se no conflito entre educar, cuidar do futuro, criar e preocupar-se exclusivamente com os seus interesses e necessidades. Usualmente dá-se desde os 30 aos 60 anos, não havendo porem uma idade comum a todas as pessoas.  «Serei bem sucedido na minha vida afectiva e profissional?»; «Produzirei algo com verdadeiro valor?»; «Conseguirei contribuir para melhorar a vida dos outros?».
Bem mais do que educar e criar os filhos representa uma preocupação com o contentamento das gerações seguintes, uma descentração e expansão do Ego empenhado em converter o mundo num lugar melhor para viver, como tal, a generatividade representa o desejo de realizar algo que nos sobreviva. Se o desenvolvimento e descentração do Ego não ocorre, ou seja, se se dá o fracasso na expansão da generatividade, o indivíduo pode estagnar, preocupar-se quase unicamente com o seu bem-estar e a posse de bens materiais.                                              
"A virtude própria deste estágio é o cuidado, a inquietação com os outros, o querer fazer algo por alguém."

Integridade Versus Desesperança – Velhice:

A última idade do desenvolvimento psicossocial é marcada por um olhar retrospectivo, que faz com que, ao aproximarmo-nos do final da vida sentimos a necessidade de aquilatar o que dela fizemos, revendo escolhas, realizações, opções e fracassos.
 Nesta etapa da vida a questão que se coloca é «Teve a minha vida sentido ou falhei?». Esta última idade ocorre frequentemente a partir dos 60 anos. Na duplicidade emocional «integridade versus desespero», a integridade indica que o indivíduo considera positivo o seu percurso vital, ou seja, toma consciência que a vida teve sentido e que foi feito o melhor possível dadas as circunstâncias e as suas capacidades.
Reconcilia-se com a mágoa e a angústia, e encara a existência como algo positivo. Se o avaliamento da existência é negativa, se sentimos que desaproveitamos o nosso tempo e não concebemos quase nada, existe o desejo de retroceder, de readquirir as oportunidades perdidas, de reformular opções e escolhas.  A ritualização neste último estágio, pode ser chamada de integral. Ao tentar encontrar um ritualismo correspondente,
A sabedoria é a virtude resultante da última fase da vida, a percepção de que não vivemos em vão, «A sabedoria, então, é a preocupação desprendida com a vida em si». (Erikson, Apud., Calvin S. Hall; Gardner Lindzey; John B. Campbell, 2000: p.175)

quinta-feira, 7 de março de 2013

adversidades da vida

LUZ NA CAMINHADA photo luzfimdotunel.jpgDiante das adversidades da vida temos escolhas! Podemos escolher a forma como iremos encará-las e quais os caminhos que percorreremos para superá-las.
Por mais que estejamos seguros, as tempestades sempre surgirão, uma pedra poderá bloquear o caminho ou a nossa própria visão turvará, impedindo que reconheçamos a rota traçada. Faz parte dos desafios da vida!
A questão que gostaria de colocar aqui é como nos desvencilhamos desses contratempos? De que forma os superamos e não permitimos a derrota? Minha mãe sempre me dizia que, diante da vida, somos crianças aprendendo a dar os seus primeiros passos. Caímos com mais freqüência do que desejamos e as quedas são fundamentais para o nosso fortalecimento. A preocupação não deve jamais ser com a possibilidade de uma nova queda e sim com a forma como nos levantamos dela. Isso faz toda a diferença no modo como seguiremos adiante.
Se nos levantamos preocupados e receosos com a queda seguinte, certamente andaremos inseguros, com passos contidos, de cabeça baixa, deixando assim de apreciar a beleza e o encanto da caminhada. No lugar disso, enxergaremos inimigos por todos os lados, dificuldades à nossa espera e paralelepípedos por onde pisamos. 
Não! Não deve ser assim! O otimismo e a fé não são palavras usadas como consolo. Elas representam muito mais que um simples toque nos ombros ou a batidinha nas costas... São atitudes! Através delas é que decidimos o modo como venceremos, a forma como nos levantaremos do tombo e seguiremos com a cabeça erguida, adiante, aguardando destemidamente qualquer desafio novo que surgirá. E serão vários novos desafios... Esteja preparado!
Para o ser humano, por mais estranho que pareça, qualquer vitória tem sabor real de conquista e superação se tiver nela a caracterização de merecimento. Nenhuma luta é realmente considerada ganha se não pudermos sentir que entre mortos e feridos estamos vivos! Ninguém gosta de trilhar os caminhos fáceis. Perde o encanto e até se torna monótono. Temos que ter o desafio nos instigando a todo tempo. Iludem-se aqueles que pensam o contrário. Nas dificuldades é que temos a oportunidade de provar a verdadeira capacidade do nosso melhor, a competência que nos é questionada o tempo todo.
Por isso, acredito piamente que não temos o menor controle sobre os obstáculos que nos surgirão, mas temos, sim, o total controle de como reagiremos às adversidades. Não somos vítimas e sim as barreiras dos obstáculos. Olhemos por outro ângulo! Nós que desafiamos com o espírito de luta as dificuldades que surgem em nosso caminho. E se olharmos para elas com dose de humildade, mas com força de vontade; não permitindo previamente a derrota, com certeza venceremos um obstáculo maior: o nosso próprio medo!




"Concede-me, Senhor, a serenidade necessária para aceitar as coisas que não posso modificar, coragem para modificar as que eu posso e sabedoria para distinguir uma da outra."

sábado, 2 de março de 2013

um momento diferente


Cada dia, um momento diferente,
com exemplos vividos a cada dia, cada momento;
aprendemos um pouco mais, o melhor sentido;
procuramos saber, para melhor viver,
olha a brilhante importãncia do:

PODER DAS P A L A V R A S...
Simplesmente brilhante sabedoria,
que o video, nos tem mostrado,
um grande exemplo, de que:
As vezes somos C E G O S, não conseguimos
enxergar, nem mesmo a nossa sombra,
mas, pode haver alguem que tenha compaixão,
e auxilia quem nao vê, a escrever as palavras.
Pode ser uma história de vida mudada.
" Pense nisso ".
DEUS abençoe.
A paz de DEUS,

Edivaldo Silva  PY4BO - Teófilo Otoni-MG
Recebi este Diploma em 24/09/2013 conforme abaixo: Olá caro amigo Edivaldo PY4BO! É com grande satisfação que enviamos a você um Diploma da AmBrasil, parabenizando pela presença na conferência. Forte 73 Administradores da AmBrasil
Clique aqui e conheça a Conferencia Ambrasil
AEROPORTO MINIATURIZADO - INCRÍVEL! Edivaldo Silva PY4BO
Local do lançamento: IPMet - Campus da UNESP - Bauru - SP (Google Maps) Latitude: -22.3579° Longitude: -49.0277° Altitude: 620m - Grid Locator: GG57LP CRAM TV 17 - Projeto Ícaro ZW2WEB Publicado em 30/04/2012 por PY2JF Cobertura completa do lançamento do balão metereológico do Ipmet que levou o Projeto Ícaro ZW2WEB. Entrevistas exclusivas com os radioamadores PU2MWD - Edson, PY2UEP - Demilson e PY2GN - William. Depois do lançamento em Bauru, viajamos mais de 100Km para documentar o trabalho dos escoteiros no "Controle da Missão" em Pardinho - SP.
CARTÃO QSL PY4BO
Formulário de requerimento: Serviço 400 - RádioAmador Clique aqui
Formulário de requerimento: Serviço 302 - Rádio Cidadão Clique aqui
Para Maiores Informaçoes, entre em contato com endereço abaixo, da LABRE -MG
Site: http://www.labremg.xpg.com.br Blog: http://labremg.blogspot.com e-mail:labremg2010@gmail.com Avenida Raja Gabaglia, 2121 - Fone (31) 3309-1721- CEP. 30.350-540 - B. SANTA LÚCIA -BELO HORIZONTE – MG
Sugestoes ou criticas: Fale Conosco

Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem: